Antologia Bardos Baianos: Bacia do Rio Corrente é o primeiro Território de Identidade com os 50 poetas


Bacia do Rio Corrente é o primeiro Território de Identidade a contar com 50 poetas da região, que farão parte da ANTOLOGIA POÉTICA BARDOS BAIANOS, com 27 obras, uma para cada região. A coletânea da Bacia do Rio Corrente contará exclusivamente com poetas nascidos e ou residentes dos município Brejolândia, Canápolis, Cocos, Coribe, Correntina, Jaborandi, Santa Maria da Vitória, Santana, São Felix do Coribe, Serra Dourada, Tabocas do Brejo Velho.

Conheça os poetas que estão fazendo parte da antologia:
Coordenador territorial: Fabrício Santos Articuladora territorial: Ana Helena Bomfim Santa Maria da Vitória Anna Helena Bomfim Alessandro Pereira Clara Filippo Cristiellen Silva Fabiano Ferreira Fernando Kaofo Francielly Macflay Glauber Guimarães Jairo Rodrigues Jéssica Veiga João Guilherme Carvalho Kattner Barros Léo Souza Lion Eric Liza Mikaelly Luís Fernando Manoel de Oliveira Marcelo da Silva Souza Mariozan Fernando Mayara Rocha Miguel Silva Novais Neto Pedro Xavier Tom Barbosa Correntina Annaterra Meira Isidora Gonçalves Jakeline Honória Jakeline Vasconcelos Leandro Caetano Murilo Souza Valéria Caetano São Félix do Coribe Claudemiro Lima Danielly Macaubas Fran Narf George Basílio Jayne Dias Téo Dias Vandineia Souza Coribe Fabiano Silva Joia Jhon Silva Sielma Félix Uarle Santana Vitória Cotrim Jaborandi Douglas Lopes Mazzo Rodrigues Tabocas do Brejo Velho Douglas Melo José Carlos Costa Serra Dourada Jéssica dos Santos Soares Laís Fernanda Oliveira Canápolis Alfredo Nascimento

Comentários

Posts mais visitados

Cacau Novaes entrevista Nego Jhá: 'Vem pro cabaré'

O perigo das Fake News para a sociedade e o impacto às pessoas e instituições

Sérgio Mattos: Bernardo Rabello, nova aposta da moda nacional

Manifesto dos Escritores, Artistas, Cientistas, Jornalistas, Professores e Pensadores Baianos pela Democracia

Os morcegos estão comendo os mamãos maduros, de Gramiro de Matos