Pular para o conteúdo principal

Ticomia 2023: Maior festa junina de camisa da Bahia promete festival de forró em Ibicuí

Como acontece há 36 anos, uma grande expectativa gira em torno do Ticomia, a mais tradicional festa de forró de camisa da Bahia, que acontece no dia de São João, 24 de junho, na Fazenda El Dorado, no município de Ibicuí, um dos principais destinos das festas juninas no Nordeste.

Foto: Olharr 

O elenco artístico deste ano promete redobrar a alegria do público. O Ticomia reunirá, mais uma vez, grandes atrações do forró: Calcinha Preta, Dorgival Dantas, Iguinho e Lulinha, Lordão (Gente Bonita de Ibicuí/ Eu vim brincar meu São João aqui/ Toda Bahia Vem dançar forró...), Limão com Mel, Luan Estilizado, Mastruz com Leite e Zé Vaqueiro. Além desses nomes, outras bandas vão se apresentar no palco do coreto da Vila do Forró, um espaço alternativo cenográfico que faz a releitura do São João de outrora no interior, com reprodução de sucessos de grandes forrozeiros do Brasil.   

Luan Estilizado - Foto: Olharr

O produtor-executivo do Ticomia, Raul Dourado, informa que a festa terá início a partir do meio-dia. Segundo ele, a organização capricha na criatividade para aprimorar ainda mais o espaço da folia junina, com uma programação visual especial para os palcos principais e suporte para shows pirotécnicos, além de decoração típica nas áreas de serviço, destacando elementos de tradição da festa, como a sanfona. 


Dorgival Dantas - Foto Olharr 

Raul é responsável pela produção do Ticomia, ao lado de seus pais, Sara e Lourival Dourado (Douradinho), e adota todas as providências para garantir a participação de milhares de pessoas durante a festa, inclusive o funcionamento de um posto de saúde no local. 


“Somos fiéis à cultura nordestina, à nação do forró, e é por isso que ao longo de 36 anos procuramos manter a tradição que valoriza o forró como o original ritmo da festa de São João, aliada a conceitos de modernidade”, afirma Douradinho. Além de conservar características que fizeram a história de sucesso do Ticomia como um evento democrático, sem espaços privativos, onde todo mundo é igual.


Foto: Olharr 

Serviço All Inclusive – Uma das principais referências do Ticomia, além das atrações musicais, é a possibilidade de ser frequentado por famílias inteiras, com segurança, tendo à disposição um serviço all inclusive eficiente de comidas e bebidas, de forma ininterrupta.


Na área de alimentação, o participante pode degustar um delicioso churrasco de porco e costela bovina no rolete, preparados e servidos por uma equipe de profissionais do sul do país, espetinho de carne e de frango, feijão tropeiro, vinagrete, acarajé, abará, queijo coalho, pamonha, amendoim, milho cozido, crepe, tapioca recheada, cocada, biscoito e outras guloseimas.


No setor de bebidas, a tradicional cerveja, além de água, refrigerantes, frozen, cachaças, água de coco, caldo de cana e batidas de frutas tropicais.


Foto: Olharr 

Há também como opção o Bar Premium, único espaço da festa em que as bebidas são comercializadas, pra quem quer whisky, vodka, gin e o energético Red Bull. O público conta ainda com a loja de souvenirs da marca Ticomia, onde podem ser adquiridos bonés, copos, canecas e chaveiros.

Entrega de Camisas - A distribuição das camisas para o evento está sendo operacionalizada.  Nesta quinta-feira, dia 22, no Araújo’s Bar e Restaurante, em Itabuna, das 10 às 19 horas. Na sexta-feira, dia 23, na sede do Ticomia, na cidade de Ibicuí (em frente ao posto de gasolina), das 10 às 22 horas. E no sábado, dia 24, a distribuição será na Fazenda El Dorado, local do evento, a partir das 9 horas. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Cacau Novaes entrevista Nego Jhá: 'Vem pro cabaré'

Nêgo Jhá é uma banda do interior da Bahia, da cidade de Iguaí, situada no Centro Sul do estado, criada em janeiro de 2018, por Guilherme Santana e Gabriel Almeida, através de u ma simples brincadeira entre amigos, que resultou em um trabalho profissional.  A banda já contabiliza mais de 30 milhões de visualizações no YouTube com suas músicas, entre elas, destaca-se “Cabaré”, música de trabalho gravada por artistas famosos, que compartilharam vídeos, que viralizaram na internet, ouvindo e dançando o hit do momento em todo o Brasil. Até no BBB21 da Rede Globo já tocou a música dos garotos. Foto: Divulgação Confira abaixo a entrevista com os integrantes da Nego Jhá: Cacau Novaes - Como surgiu a ideia de criar Nego Jhá? Como tudo começou?  Nego Jhá -  Através de uma brincadeira entre mim, Guilherme, e meu amigo Gabriel, que toca teclado.  No início não tínhamos em mente de que isso se tornaria algo profissional, pensamos apenas em gravar por diversão e resenha. Cacau Novaes -  É uma dupl

Cacau Novaes lança, neste sábado (6), seu novo livro: “Eu só queria ver o pôr do sol”

O poeta e escritor Cacau Novaes lança, neste sábado (6), às 16h, o seu novo livro de poemas, intitulado “Eu só queria ver o pôr do sol”, pela Editora Mondrongo. O evento acontece em Salvador, na Cervejaria ArtMalte, na Rua Feira de Santana, 354, Rio Vermelho. Neste seu novo livro, Cacau Novaes se debruça sobre a terra arrasada pelas guerras, as mazelas da humanidade, os problemas sociais das grandes cidades, como os esgotos a céu aberto, entro outros. Poesia que nasce no seio de onde vem o cheiro de miséria e a desigualdade. Outros cinco autores também lançam, além de Cacau Novaes, os seus livros, no mesmo dia e local, em uma grande celebração literária: André Lemos, Antônio Brasileiro, Clara Pamponet, Douglas de Almeida e Vinícius Cardona. Segundo Gustavo Felicíssimo, editor da Mondrongo, será um “esquenta” para a Bienal do Livro da Bahia, que acontece de 26 de abril a 1º de maio no Centro de Convenções da Bahia. Durante a bienal, no Espaço das Editoras baianas, haverá um segundo mo

New face da 40 Graus Models, Ana Clara Rios passa férias na Bahia

Ana Clara Rios, new face da 40 Graus Models, agência de Sérgio Mattos, está na Bahia para passar as férias com a família e amigos.  Ana Clara Rios - Foto: Divulgação Pensando em sua carreira, Ana Clara, que é de Iguaí, logo estará de volta ao Rio de Janeiro, para concluir o curso de atriz na escola de teatro Nu Espaço. Além de brilhar como modelo, com certeza também vai arrasar no palco e nas telas. Ana Clara Rios - Fotos: Divulgação / Montagem: cacaunovaes.com Sobre a 40 Graus Models Fundada em 2004, a 40 Graus Models é uma das principais agências do Brasil e conta com um elenco de mais de duzentos modelos, incluindo top models como Nayara Oliver, Anne de Paula, Mahany, Paula La Croix, Gabriel Sihnel, Jullio Reis, Brayan Lucas, entre outros. E o prestígio vai além do Brasil: no ano de 2005, a conceituada revista americana V Magazine indicou a 40 Graus Models como uma das principais agências de modelos do cenário internacional.  Sérgio Mattos e Ana Clara Rios na 40º Models - Foto:

Nosso Sarau inicia encontros de 2024 com Douglas de Almeida e convidados

O Nosso Sarau volta às atividades, iniciando os encontros deste ano com muita poesia, música, bate papo literário, entre outras atividades artísticas. A primeira edição de 2024, no dia 20 de março, às 18h, traz como convidado o poeta Douglas de Almeida. O escritor falará sobre a nova edição de seu livro “Não sei se sou”, que foi relançado recentemente no MAM – Museu de Arte Moderna da Bahia, e sua trajetória literária, sob mediação de Cacau Novaes. Haverá ainda uma sessão de autógrafos. Durante o evento, acontece um recital de poesia com a participação de Alvorecer Santos, Ametista Nunes, Cacau Novaes, Jeane Sánchez, Jovina Souza, Luís Aseokaynha, Marcos Peixe, Ramon Argolo e Rosana Paulo. As apresentações musicais serão com Di Carvalho e Evandro Correia, abrilhantando a noite com canções autorais. Realizado mensalmente no Goethe-Institut Salvador, o Nosso Sarau tem produção e curadoria de Cacau Novaes, com colaboração de Alvorecer Santos e Marcos Peixe. A entrada é gratuita. Sob

Os morcegos estão comendo os mamãos maduros, de Gramiro de Matos

Sim, morcegos de fato comem mamãos, ou mamões maduros, mas, não é sobre morcegos nem sobre mamões o segundo e que eu saiba, derradeiro romance de Gramiro de Matos, ou Ramiro de Matos, ou Ramirão Ão Ão, cujo subtítulo, é,”O besta y a doida”, é sobre... Bem, é sobre lombrigas e angústia, sobre o que fazer da vida, seja você um viadinho suburbano, uma filha de deputado, um bêbado amante da filha do deputado, um maconheiro, um pintor ensandecido, um atropelado, ou duas belas jovens pegando carona na Rio-Bahia. O livro é sobre o belo e o horroroso da vida, que você pode passar com dor ou com muita dor. A escolha é sua, ou talvez não, mas, porém, contudo e entretanto, “O besta y a doida”, que mistura português com espanhol, James Joyce ( seu Jaime, para os chegados) com Gregório de Matos, os tupis e os atlantes, não é um livro triste, pelo contrário, é um livro até esperançoso, Macunaíma dos anos 70,embora o autor prefira Oswald a Mário de Andrade, mas o que sabe um autor do livro que